PRA VOCÊ IR MAIS LONGE A gente cuida do seu futuro, para caminharmos juntos sempre.

Atenção aos aspectos biológicos permite renovação do solo

Microrganismos benéficos presentes no meio favorecem o desenvolvimento do sistema radicular, facilitando a disponibilização de nutrientes e água para a planta

Para conquistar boa produtividade e desenvolvimento satisfatório das culturas, é preciso ir além da manutenção das condições físicas e químicas do solo. Isso porque é na parte biológica que se encontram os microrganismos benéficos que serão essenciais para o desenvolvimento do sistema radicular e para a disponibilização de nutrientes e água para planta ao longo do seu ciclo. Sendo assim, a adubação com atenção a esse aspecto se torna fundamental para melhores resultados na colheita e na renovação e longevidade dos solos.

Nesse cenário, a aplicação de soluções naturais no período entre safras ou próximo ao plantio, pré ou pós, é indicada para favorecer a atividade biológica do solo. “Estas ferramentas, à base de aminoácidos, açúcares, ácidos orgânicos e metabólitos vão atuar como condicionadoras do meio, favorecendo esses microrganismos benéficos para que estimulem o sistema radicular da planta”, afirma a doutora em agronomia Mayra Soares, gerente técnica de grãos da Alltech Crop Science.

A ferramenta passou a fazer parte do manejo da lavoura de milho de Fabiano Rodrigo, de Três Barras do Paraná (PR), nesta segunda safra, e o produtor já notou resultados. “Onde usamos o produto, vimos o milho verde de cima abaixo. Pegamos estiagem de 64 dias e onde não foi usado notamos que a planta sentiu”, conta. “Observamos a diferença da profundidade das raízes onde foi aplicado e espigas padrões. Onde não foi utilizado ficou com espigas menores e o milho sentiu a estiagem”, complementa o agricultor.

Mayra explica também que o solo é o ambiente de maior diversidade da Terra, mas muitas vezes esses microrganismos que vivem no meio não possuem alimento para aumentar sua população. “Quando falamos em favorecer a atividade biológica, é sobre oferecer compostos prontamente disponíveis para que esses microrganismos se alimentem e se multipliquem. Essa disponibilidade de nutrientes ocorre por meio da decomposição da matéria orgânica”, relata.

Além da utilização dessas soluções naturais, com foco na ativação da atividade biológica do solo, a engenheira agrônoma ressalta outras ações importantes no manejo como a rotação de cultura na área, para manter a variedade de população de microrganismos presentes no meio, o plantio em cobertura, com a função de incorporar carbono no sistema e, ainda, a inoculação de microrganismos benéficos.

Tecnologia natural

Com o objetivo de aumentar a mineralização e disponibilização de nutrientes, a Alltech Crop Science conta com o Soil-Plex Ready, solução da Linha Solo. Desenvolvido a partir de nutrientes e compostos orgânicos específicos, permite maior interação da biomassa com microrganismos decompositores, solubilizadores de fósforo e outros elementos nutricionais, resultando em melhora no desenvolvimento da planta.

Sobre a Alltech Crop Science

A Alltech Crop Science, divisão agrícola da Alltech Inc., desenvolve soluções naturais para os desafios da agricultura nos principais mercados do mundo. Por meio de produtos com alto valor agregado e tecnologia exclusiva nas linhas de fertilizantes sólidos, nutrição, solo, proteção e performance, auxiliando na sustentabilidade e lucratividade ao produtor rural. A Alltech Crop Science do Brasil é formada pela maior fábrica de leveduras do mundo, localizada em São Pedro do Ivaí (PR), pela sede em Maringá (PR) e pela unidade em Uberlândia (MG).

Fonte: Camila Castro | Centro de Comunicação